Colágeno, tijolos do nosso corpo


O colágeno representa a mais importante proteína estrutural do nosso corpo: aproximadamente um terço de toda a proteína é colágeno. Une os elementos celulares e dá origem o processo de formação dos tecidos e órgãos. Ou seja, são os tijolos do nosso corpo. O colágeno é o principal elemento fibroso da pele, tendões, cartilagens, ossos, dentes, membranas, córnea e vasos do ser humano e de todos os vertebrados.

Formado exclusivamente por aminoácidos, aproximadamente 3.000, o colágeno tem inúmeros atributos: deixa a pele resistente e elástica, reforça tendões e ligamentos que unem os músculos aos ossos, sustenta os órgãos internos. Ossos e dentes são feitos pela adição de minerais à matriz de colágeno e 75% da pele é colágeno.

Em alguns tecidos, como órgãos, o colágeno pode ter a forma de um gel. Em outros, como os tendões, o colágeno apresenta-se como fibras apertadas para fornecer resistência.

Durante toda a vida, o colágeno se renova continuamente. No tecido ósseo, esse processo dura cerca de 1 ano; no fígado, 1 mês; na pele, dependendo dos aspectos individuais, dura de 140 a 160 dias.

A perda do colágeno ao longo dos anos

Estudos indicam que aos 30 anos o corpo sofre uma perda de colágeno de aproximadamente 1% por ano. A partir dos 50, produzimos apenas 35% do colágeno necessário para os órgãos de sustentação: diminui a elasticidade da pele, aparecem as rugas e aumenta a fragilidade das articulações e dos ossos.

Atribui-se à menor produção de colágeno uma das principais causas do envelhecimento: começa a flacidez muscular, diminui a densidade dos ossos, articulações e ligamentos deixam de ser tão elásticos e fortes e a cartilagem que envolve as articulações fica porosa e frágil.Não acabou: os fios do cabelo ficam mais finos, menos espessos e hidratados, e a pele vai perdendo elasticidade. Resultado: flacidez, aparecimento das rugas e até estrias.

As mulheres são as que mais sofrem com essa perda, pois, por constituição, já têm uma quantidade menor dessa proteína no corpo que os homens. Além disso, a deficiência de estrogênio que se verifica por volta dos 45-50 anos provoca a diminuição da quantidade de fibroblastos, células responsáveis pela produção do colágeno que, junto com outra proteína, a elastina, compõem a trama de sustentação da pele.

Por que menos colágeno “seca”?

Menos colágeno provoca a redução do fluxo de sangue pelos vasos e leva a uma menor capacidade de retenção de água pelas células, desacelera a atividade das glândulas sebáceas e sudoríparas, responsáveis pela oleosidade que protege a pele como um filtro natural. Se a pele está menos irrigada e com menos hidratação, fica seca, enrugada, flácida, quebradiça, fina, fragilizada, sem tanta proteção às escoriações (maior tempo de cicatrização) e à ação do sol (mais manchas)

Estima-se que a partir da menopausa haja uma perda média anual de 2% de colágeno. A velocidade com que isso acontecerá dependerá de quanto houve de exposição ao sol ao longo da vida (sol é cumulativo) ou à ação do cigarro (e da fumaça!), que reduz a irrigação sanguínea da pele.

Reposição do colágeno perdido

Nem os alimentos de origem animal, excelentes fontes de proteínas e colágeno, são capazes de após os 25-30 anos (varia de pessoa para pessoa) fornecer a quantidade ideal dessa proteína que o nosso organismo necessita. É aí que entra a suplementação.

O colágeno hidrolisado em pó contém uma série de fragmentos de proteínas (biomoléculas de aminoácidos, melhor absorção portanto do que o colágeno não hidrolisado) fundamentais para a manutenção de ossos e a reconstituição ou regeneração das articulações.

De acordo com o prof. Jaime Farfan da Unicamp, "o colágeno em pó permite que o nosso organismo mantenha uma quantidade de massa muscular adequada, ajudando o organismo a utilizar eficientemente suas reservas lipídicas e de açúcar".

O colágeno hidrolisado é, portanto, eficiente como aliado contra processos de flacidez dos tecidos. É uma excelente fonte de proteínas, a solução para a suplementação, capaz de sintetizar massa magra e manter o aspecto jovial do nosso corpo. Deve ser diluído na água ou em sucos, mas não com leite: a lactose compromete seus resultados e benefícios.

Quem agradece a reposição do Colágeno?

A pele: pesquisas feitas no Brasil buscaram avaliar a firmeza, elasticidade e hidratação da pele após o início e depois de 60 dias de ingestão de colágeno hidrolisado. Participaram do estudo três grupos, com vinte voluntárias cada um, entre 35 e 60 anos. Dois grupos tomaram uma dose diária contendo 2g ou 5g de colágeno hidrolisado. O terceiro recebeu apenas placebo. Resultado: as mulheres que consumiram 2g de colágeno por dia tiveram um aumento de 4,2% na firmeza e 8,5% na elasticidade da pele, e aquelas que consumiram 5g/dia tiveram um aumento de 17% na hidratação, 5,5% na firmeza e 10% na elasticidade da pele. E se consumirmos 12gr por dia?!

Os ossos e as articulações: estudos também evidenciaram que a administração de colágeno hidrolisado na dieta diária ajuda na prevenção e no tratamento de doenças degenerativas dos ossos e das articulações (como osteoartrites e osteoporose). Bom para atletas e pessoas obesas!

As cartilagens: outros estudos constataram redução significativa em pacientes com dor nas cartilagens depois de haverem ingerido em média 10g de colágeno hidrolisado ao dia, bem como aumento da mobilidade articular. Na Alemanha, pesquisadores observaram que o colágeno ingerido como suplementação ativou a síntese do colágeno em células da cartilagem, chegando até mesmo a reduzir modificações degenerativas.

Colágeno tem outros inúmeros benefícios! Mas o que importa é que, mesmo que hoje você não tenha como responder "Se eu tivesse já iniciado a reposição de colágeno, quanto eu estaria melhor?", certamente essa é uma pergunta que você (como eu) não vai querer se fazer amanhã!!!

PS: Dois artistas belíssimos ilustram este post, Richard Gere e Audrey Hepburn. Ela, não apenas premiada pelo Oscar, musa de Givenchy e uma grande humanista, dizia que o segredo da sua beleza também se devia ao fato de considerar:

"Pessoas, mais do que coisas, precisam ser restauradas, renovadas, revividas, resgatadas e redimidas. Nunca as despreze ou descarte".

#colágeno #colágenohidrolisado #perdadocolágeno #oqueocolágenofaz #reposiçãodecolágeno #colágenoaos25anos #colágenoaos50anos #venderNaara #revendedorNaara #revendedordonaara

211 visualizações

Maria da Graça Congro

Distribuidor Independente
JEUNESSE

 

  • Facebook | Maria da Graça Congro
  • Instagram | Maria da Graça Congro
  • LinkedIn | Maria da Graça Congro
 
VAMOS CONVERSAR? 

Ao enviar suas informações de contato, você concorda que eu, como Distribuidor Independente da Jeunesse Global, posso entrar em contato com você  e/ou enviar informações por telefone e/ou e-mail sobre os produtos e oportunidades. Suas informações pessoais serão usadas somente de acordo com nossa Política de Privacidade.

Este site é de propriedade e operado por um Distribuidor Independente Jeunesse Global. Os anúncios neste site destinam-se apenas ao mercado do Brasil. As seguintes marcas são licenciadas pela Jeunesse Global Holdings, LLC: Jeunesse, Jeunesse Global, Jeunesse Fountain Logo, Instantly Ageless, Jeunesse Spa, Jeunesse Spa Botanicals, Luminesce, Naära, Nevo, Reserve, Restore Speed Whitening Nano Repair, (M)Mūn, Trunu, Trimatrix, Vidacell, E-Vok Óleos Essenciais, Y.E.S. Youth Enhancement System, Zen Bodi, Zen Fuze, Zen Prime, Zen Project 8 e Zen Shape. APT-200 é uma marca registrada de Nathan Newman, MD.  ©2020 Todos os direitos reservados.